Pesquisar
Close this search box.

Madeira transparente: A alternativa ecológica que dominará a arquitetura e a tecnologia no futuro é feito com Resina Epóxi

Há 30 anos, um botânico alemão decidiu se aventurar em um experimento ousado: observar como ocorria o funcionamento interno das plantas lenosas sem dissecá-las. Para isso, Siegfried Fink decidiu branquear os pigmentos das células vegetais, criando uma madeira transparente e publicando sua técnica em uma revista especializada em tecnologia madeireira.

O artigo, publicado em 1992, permaneceu intocável até a última década, quando o pesquisador Lars Berglund decidiu se aprofundar ainda mais no assunto. Inspirado pela descoberta de Fink, Berglund desejava desbravar a madeira transparente por razões não botânicas.

Trabalhando no KTH Royal Institute of Technology, da Suécia, o cientista de materiais é especialista em compósitos poliméricos e estava interessado em criar uma alternativa mais robusta ao plástico transparente. Além dele, investigadores da Universidade de Maryland também desenvolviam maneiras de aproveitar a resistência da madeira para fins não tradicionais.

Criação da madeira transparente

Depois de anos de experimentos, as pesquisas a respeito da madeira transparente finalmente começaram a dar frutos. Esse material poderá em breve ser usado em telas potentes de smartphones, em luminárias suaves e até mesmo como uma característica estrutural — como janelas que mudam de cor.

Os cientistas explicam que a madeira é composta de inúmeros canais verticais, que funcionam como um feixe apertado de canudos unidos com cola. Essas células em forma de tubo transportam água e nutrientes por toda a árvore. Contudo, quando as árvores são derrubadas, esses canais secam e deixam bolsas de ar para trás. Para criar a madeira transparente, os cientistas primeiro precisaram eliminar a junção desses canais, chamada lignina, que mantém os feixes de células unidos e confere ao tronco seu tom marrom-terroso. 

Depois de branquear a cor da lignina ou removê-la de outra forma, o material permanece numa coloração branca leitosa de células ocas. Então, as bolsas de ar são preenchidas com uma substância como a resina epóxi, que desvia a luz em um grau semelhante ao das paredes das células, tornando a madeira transparente. Graças à adição dessa resina, a madeira transparente supera o plástico e o vidro em múltiplos fatores. Testes indicam que esse material é pelo menos três vezes mais resistente do que plásticos transparentes e 10 vezes mais resistente do que o vidro.

Desenvolvendo um mercado

O perfil fino e a resistência impressionante da madeira transparente significam que esse material pode ser uma ótima alternativa para produtos feitos de cortes finos e facilmente quebráveis de plástico ou vidro, como telas de dispositivos tecnológicos. Contudo, a maior parte da investigação centrou-se na utilização desse material como elemento arquitetônico.

Tendo em mente que a madeira transparente é um isolante muito melhor do que o vidro, isso poderia ajudar os edifícios a reter o calor ou mantê-lo do lado de fora sem grandes preocupações. Com a adição de álcool polivinílico nas bolsas de ar da madeira, ela conseguiu conduzir o calor a uma taxa cinco vezes menor que a do vidro, relatou um grupo de pesquisadores em um estudo publicado em 2019 na revista Advanced Functional Materials.

Esse tipo de abordagem mais ecológica ajuda a limitar a quantidade de produtos químicos tóxicos e polímeros fósseis utilizados na produção desses materiais. Contudo, por enquanto, o vidro ainda tem impactos ambientais de fim de vida mais baixos do que a madeira transparente. Sendo assim, adotar esquemas de produção mais ecológicos e aumentar a produção são dois passos necessários para adicionar madeira transparente aos principais mercados nos próximos anos.

Fonte: Smithsonian Mag

Imagem:  Universidade de Maryland/Divulgação 

Compartilhar

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn

Veja Também

Saiba como trabalhar com resina no artesanato

Saiba como trabalhar com resina no artesanato

Rogerinho recebe no “Faça Você Mesmo”, Fábio Moreto, especialista em resinas que explica sobre a resina no mercado do artesanto.…
Tudo sobre Látex - Conheça o Látex Líquido Natural Bi Centrifugado RDX 29 com o artista Caio Oliveira

Tudo sobre Látex - Conheça o Látex Líquido Natural Bi Centrifugado RDX 29 com o artista Caio Oliveira

https://www.redelease.com.br/latex-liquido-natural-centrifugado-rdx-29-100-ml.html#attributedescription Neste vídeo, vamos conhecer o nosso novo látex, aprender suas características e o que esse produto pode oferecer em…
Redelease chega à marca de 30 lojas entre redecenters e revendas espalhadas pelo Brasil

Redelease chega à marca de 30 lojas entre redecenters e revendas espalhadas pelo Brasil

Fundada em São Paulo, em 1997, a Rede A Redelease é referência no país em conceito-desmoldante semi-permanente. Além de histórica,…